19 de janeiro de 2011

O menino jornalista

"Já não tenho mais a liberdade que tinha antes. Tudo o que falo repercute. Já fui parar em site de fofoca!". O desabafo é @ * durante debate Geração interativa: Nada será como antes hoje à tarde na Campus Party 2011.

E hoje não foi diferente: Renê foi o centro das atenções na Arena da #cparty - o maior evento mundial de tecnologia e inovação.
(Foto:ekalafabio)


Um comunicador

Convidado pelo @educaredebrasil e pelo @vivoeduca para compor uma mesa de debate no palco principal do evento, o menino, que ficou conhecido por sua atuação como um verdadeiro correspondente da guerra no Alemão, mostrou mais uma vez que é um grande comunicador: debateu de igual pra igual com especialistas**, anunciou parceria com lan houses do bairro onde mora para democratizar o acesso à rede e, esperançoso, declarou que conta com a participação voluntária de moradores da comunidade como mediadores. Ah...e, muito antenado com as questões da educação, destacou o trabalho da Secretária de Educação do RJ, @, que dialoga com professores pelo twitter.

É pouco? Não, tem mais: minutos antes de entrar no palco, tuitou:

@Rene_Silva_RJ Quem estiver no #cpbr4,
vem pra frente do palco principal às 16h30min que vai rolar uma palestra e eu participo!!!

"A gente sabe que o que fazemos é coisa boa,
vendo as coisas ruins da comunidade!"

Para uma platéia emocionada, contou que quando começou seu trabalho no jornal, chegava tarde em casa e sua mãe ficava preocupada. Mas nunca teve problema com o tráfico: "A gente sabe que o que fazemos é coisa boa, vendo as coisas ruins da comunidade!", afirmou.

Contou também que a idéia de fazer um jornal surgiu na escola, quando tinha onze anos. Depois resolveu fazer o Jorna
l a Voz da Comunidade, para que a população do Alemão conhecesse melhor o lugar onde vive.

Parabéns à toda equipe EducaRede e VivoEduca por trazer esse menino para a Campus Party!


Saiba+ sobre os participantes do debate

*Rene Silvablog e twitter Voz da Comunidade, do Complexo do Alemão - Estudante de 17 anos e morador do Morro do Adeus, no Complexo do Alemão, Rene é repórter, fotógrafo, redator, editor e colunista do “Voz da Comunidade”, jornal que criou há cinco anos para denunciar os problemas da sua região. Em 2010, Rene liderou a cobertura em tempo real pelo Twitter sobre o cerco e a invasão da polícia no Complexo do Alemão, tornando-se um dos principais porta-vozes da comunidade. Em seu perfil no Twitter afirma que vai ser jornalista.

**
Especialistas

Ivelise Fortim - Psicóloga, Mestre em Ciências Sociais e doutoranda do Programa de Psicologia Clínica pela PUC-SP. Atualmente é professora da Faculdade de Psicologia e do Curso de Jogos Digitais da PUC-SP e Membro do NPPI- Núcl
eo de Pesquisas de Psicologia e Informática da Clínica Psicológica da PUC-SP.

Volney Faustini - Empresário, Consultor, Autor, Preletor e Administrador de Empresas formado pela FAPEI 1983. Atualmente é diretor da FIT – Faustini, Inovação e Tecnologia, uma prestadora de serviços voltada à transformação do ambiente empresarial. Tem dedicado suas atividades à Inovação com ênfase no Futuro da Gestão Corporativa, às dinâmicas humanas, o impacto das internet na Sociedade e o perfil da Geração Nativa Digital. Recentemente organizou e editou Filhos Seguros, Pais Tranquilos como um e-book, disponível gratuitamente para download na Internet.

Luciana Cavalini - Especialista de Responsabilidade Social Corporativa da Telefônica e membro do Fórum Gerações Interativas, instituição criada na Espanha pelo Grupo Telefônica, Universidade de Navarra e Organização Universitária Interamericana com o objetivo de promover o uso seguro das tecnologias por crianças e adolescentes. É jornalista, graduada pela Universidade Estadual de Londrina (Paraná), e trabalhou nos jornais Folha de S. Paulo e Gazeta Mercantil.

Mediação - Priscila GonsalesGrupo de Estudos Educar na Cultura Digital