20 de janeiro de 2006

Projetos colaborativos na Internet

Esta dica vem do Texto-Comunicação-Educação , blog de Maria Salete Prado Soares. Ela anuncia o lançamento do livro “A educação a distância e o professor virtual: 50 temas e 50 dias on-line” das organizadoras Carmen Maia, Elizabeth Rondelli e Fernanda Furuno. Reproduzo aqui algumas lições que Carmen Maia aprendeu com a experiência:

  • Para que algum projeto se realize, é importante a "presença", apesar da distância, do organizador, do mentor do processo.
  • Um fórum serve para promover discussão e precisa de adaptações para gerar um livro colaborativo, pois não existe uma ferramenta on-line ideal para isso.
  • Existe sim gente disposta a colaborar e cooperar.
  • É preciso estar aberto a mudanças de curso durante o processo.
  • Estamos apenas no início de um processo permanente de construção da aprendizagem.
  • É difícil permanecer calado para não "influenciar" o grupo de discussão.
  • Os finais de semana são, sim, sagrados.
  • O final desanima.
  • O que parece sólido e certo pode, sim, desmoronar.
  • Um dia é pouco tempo para discutir assuntos muito polêmicos.
  • Final de semestre não é fácil para ninguém.
  • Se eu estivesse sozinha, este livro ainda seria um projeto, ou melhor, continuaria a ser um arquivo no meu desktop.

Para saber mais: MAIA, Carmen; RONDELLI, Elizabeth; FURUNO, Fernanda (org.) A educação a distância e o professor virtual: 50 temas e 50 dias on-line. São Paulo: Editora Anhembi-Morumbi, 2005.